Um ano morando na África

Semana que vem faz um ano que estou morando em Johannesburg na África do Sul com a minha mulher Adriana Bittar.

Foi um ano muito intenso com muitas novidades, aventuras e emoções.

Passamos por muitas dificuldades e contamos com novas amizades para superá-las, amizades que tenho certeza que serão para sempre.

E acho que o nosso maior aprendizado aqui é que precisamos viver pensando mais em nós mesmos, e não no que os outros vão achar.

Se você tiver caráter, não importa como você vai se vestir ou onde você vai comer, o que importa é se você vai estar feliz desta forma.

Não significa que temos que abrir mão de comprar uma coisa de marca ou de ir jantar em um restaurante mais sofisticado. Mas se assim fizermos, isso não pode se tornar uma obrigação. Precisa ser um prazer.

Recomendo muito que todos procurem uma forma de viver fora do seu País por pelo menos 6 meses, e assim ter tempo de repensar na vida e avaliar se o rumo que ela tomou era o que você sonhava.

Pode ter certeza que ainda há tempo de mudar.

Uma frase na qual procuro me guiar é:

“life’s a journey not a destination”

Nossa experiência está sendo incrível e ainda temos um ano pela frente…

Fiz um video para tentar resumir nosso 2011:

14 comentários sobre “Um ano morando na África

  1. Alexandre, tambem estamos ha um ano em Joburg !
    Suas fotos sao incriveis, da pra ver que voces estao aproveitando tudo que essa terra tem de bom !Delicia!

    Ana Maria e Armando

  2. Ale e Adri , parabéns pela persistência, coragem, empreendedorismo.

    Muita luz , amor e paciência pelo próximo ano

    Passa rápido !!!!

    Um abraço

    Fernando

  3. Alexandre e Adriana!
    Também estamos há um Ano em Joburg,suas fotos são incríveis,fantásticas,parabéns.
    Temos muito que desvendar nesse país cheio de vida.
    Grande abraço,
    Edson e Tati

  4. Oi Alexandre, sou estudante de jornalismo e gostaria de fazer um intercâmbio para morar em Joanesburgo. O custo de vida por aí é mais baixo que no Brasil? Alguma dica para me passar?? valeu… gostei do blog. parabéns aos dois!

    1. Tamyres,
      Desculpe a demora para responder, eu estava viajando.
      Acho aqui um lugar muito legal, o custo de vida é baixo, comida, roupas, tudo quase a metade do preço de SP, exceto aluguel que é parecido, não sei como é para intercâmbio.
      A cidade é muito bonita e organizada, a única coisa é o inglês das pessoas que nasceram aqui, tem um sotaque bem carregado, todos que chegam acham difícil de entender.
      Para você sair daqui com um inglês bom, vai precisar evitar as pessoas que falam português.
      Vou te adicionar no facebook, assim você me manda as dúvidas que tem sobre aqui.
      Você já viu onde estudar?
      Abraço
      Ale

      1. Olá
        Sou portuguesa, vivo em Coimbra e vou em breve viver junto com o meu marido para Joanesburgo. Ficaria mt grata se me desse algumas dicas sobre o quotidiano daí……Estou ansiosa e bastante receosa quanto à mudança, como deve calcular e seria otimo conhecer experiencias de quem aí vive…
        Obg
        Maria José

  5. Alexandre, meu nome é Roberto, descobri seu diario por acaso, porque eu e minha mulher vamos nos mudar para johannesburgo, daqui a 04 meses, ela é quimica e trabalha numa empresa multinacional e eu sou veterinario, gostaria muito de saber como é a vida ai, questao de lazer, comida, violencia. Atualmente estamos morando em Buenos aires,um gde abrazo.

    1. Roberto,

      Estamos aqui a quase 2 anos, a vida é bem mais calma que em São Paulo.
      As lojas e restaurantes fecham cedo, mas a qualidade de vida é muito boa.
      Nos sentimos mais seguros aqui que em São Paulo, é preciso tomar certos cuidados como lá, mas é melhor.
      Quanto a comida é fantástica e muito barata, ouvi dizer que em Buenos Aires o custo de vida subiu muito.
      Aqui comida, roupa, móveis, carro são quase a metade do preço que no Brasil, com qualidade muito melhor.
      Só o aluguem tem um preço parecido.
      O que precisar de ajuda pode entrar em contato.

      Abraço

      Alexandre Suplicy

  6. Olá,
    Achei incrível o vídeo! Achei seu diário por acaso pois vou a Joanesburgo para passar 2 semanas trabalhando. Inicialmente estava bem preocupada com segurança, pois vou sozinha e não tenho nem carteira de motorista nem grana para táxi.

    Soube que o local que vou ficar hospedada para o trabalho posso usar o Gautrain, dizem que é seguro.
    Estive na Índia há alguns anos e a segurança para as mulheres é uma questão importante, as roupas tem que ser super cobertas, você não deve colocar o pé na rua a noite sozinha, e a minha experiência lá não foi boa.
    Enfim, isso é o que mais me preocupa, pois já li algumas vezes sobre Gangues que estupram mulheres na África do Sul, não sei se em Joanesburgo também há esse risco.
    Queria sua opinião e dicas sobre como ficar segura, se isso é exagero… enfim, ouvir de alguém que conheceu o lugar.
    Eu moro no Rio, então realmente sei que tomar um certo cuidado o tempo inteiro é necessário!
    Agraceço se puder me responder.
    Abs,
    Michelle

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s